Mostrando 30418 resultados

Descrição arquivística
Opções de pesquisa avançada
Visualizar impressão Visualizar:

29401 resultados com objetos digitais Mostrar os resultados com objetos digitais

Festejos da Associação dos Empresários do Comércio

DESCRIÇÃO FÍSICA: 17x11,5cm, p&b, 1 ex. ; CONSERVAÇÃO: rasgada, manchada e amarelada; LEGIBILIDADE: péssima; OBSERVAÇÕES: Original feito no final do século XIX e Reprodução no início do século XX.; RESUMO: Chegada do dr. Lauro Muller com grandes festejos promovidos pela Associação dos Empresários no Comércio e na qual tomam parte as associações da capital da Associação de Empresários nesse [ ] a fachada da sede

José Artur Boiteux (1865- 1934)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 10x14,5cm, p&b, 1 ex. ; CONSERVAÇÃO: Com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação, 1985.; RESUMO: Deputado nos períodos de 1894-1895, 1896-1897, 198-1900, 1900-1902, 1916-1918. Fundador do Instituto Histórico Geográfico Brasileiro em Santa Catarina (1896), Bacharel em direito (1905), fundador do Instituto Politécnico de SC, Secretário do Interior e Justiça, fundador da Academia Catarinense de Letras (1920), fundador da Faculdade de direito de Santa Catarina.

Afonso de Albuquerque e Melo (ca 1811 - ?)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6,5x10cm, p&b, 2 ex.; CONSERVAÇÃO: ; LEGIBILIDADE: Ruim; OBSERVAÇÕES: Consta no verso da foto: Major Afonso d'Albuquerque e Mello. Christiano Junior – Photographo com officina no Rio de Janeiro à Rua da Quitanda 45/ Em viagem Santa Catharina Rua Augusta, n. 26; RESUMO: Major do Exército. Deputado da Assembleia Legislativa Provincial de SC de 1854 a 1859 e de 1864 a 1869. Condecorado com Medalha da Campanha de Independência e Cavaleiro da Ordem da Rosa.

Christiano Junior

Alexandre José Rodrigues da Silva Chaves (1824 - ?)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 7,5x10,5cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Com fungos; LEGIBILIDADE: Regular; OBSERVAÇÕES: Consta no verso: “Dr. Alexandre José Rodrigues da Silva Chaves/Presidente da província de Santa Catarina 26/04/1864”; RESUMO: Alexandre José Rodrigues da Silva Chaves foi bacharel em direito (1847), presidente da província de Sergipe (1863-1864), presidente da província de Santa Catarina (1864-1865) e presidente da província de Espirito Santo (1865-1867)

Alfredo Maria Adriano d'Escragnolle Taunay (1843-1899)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6,5x10,5cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; OBSERVAÇÕES: Consta no verso da foto: “ Insley Pacheco, pintor de paisagens/photographo da casa Imperial, Cavalheiro da Ordem de Cristo de Portugal. Premiado com a medalha de 1ª classe na exposição imperial do Porto e em outras exposições.”“Ao caro Constâncio _ em São José. Offerece Alfredo d'Escragnolle Taunay. 23 de fevereiro de 1877; RESUMO: Engenheiro militar, professor, historiador, romancista, teatrólogo, biógrafo, etnólogo, memorialista e músico, natural do Rio de Janeiro/RJ. Deputado pelas províncias de Goiás e Santa Catarina, senador catarinense e presidente das províncias do Paraná e de Santa Catarina, no século XIX.

Pacheco, Insley

Alfredo Teotônio da Costa (1849-1909)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6,5x10,5cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; OBSERVAÇÕES: Consta no verso da foto: “Retratado no dia 24 de abril de 1872, com 23 anos, 4 meses e 19 dias de idade. Nasceu em 5/12/1849”. “Ofereço à minha tia Euflabia Rodrigues de 52 anos. Alfredo Teotônio da Costa”.; RESUMO: Foi jornalista e colaborou em vários jornais da cidade de Desterro. Poeta, contista e militar. Deputado na Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina (1878-1879).

Anfilóquio Nunes Pires (1819-1889)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6,5x10,5cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; OBSERVAÇÕES: Consta no verso: Ilustríssimo senhor Major Fernando de A Cardoso, como signal de amizade. A. N. Pires/ N. A. 24 de agosto de 1819.; RESUMO: Deputado à Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina em 1860-1861 e 1876-1877, diretor do Liceu Provincial (1860), procurador fiscal da província (1870-1874), vice-cônsul da Inglaterra em Desterro.

Morroig, Juan (General)

Antonio Joaquim de Magalhães Castro (1809-1894)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x9cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: escrita, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; OBSERVAÇÕES: Consta no verso da foto: “Coronel Antonio Joaquim de Magalhães Castro. Nascido na Bahia no dia 29 de janeiro de 1809. Falecido na Corte no dia 4 de março de 1894”.

Antônio José de Sarmento Melo (1817-?)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; OBSERVAÇÕES: Consta no verso da foto: “Em 11 de março de 1871/ Major Antonio José de Sarmento Melo” ; RESUMO: Médico cirurgião da Colônia Militar Santa Tereza e Angelina. Foi deputado à Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina no período de 1850-1853, 1864-1869, 1880-1881.

Antônio Pedro da Silva

DESCRIÇÃO FÍSICA: 9x14cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação.; OBSERVAÇÕES: Consta no verso: “Cel Antônio Pedro da Silva” ; RESUMO: Foi coronel, participou da guerra do Paraguai, foi comendador da Ordem da Rosa e oficial da Ordem do Cruzeiro.

Alexandre Ernesto de Oliveira (1833-1908)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: manchada, amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; OBSERVAÇÕES: Consta no verso: “Alexandre Ernesto de Oliveira”; RESUMO: Formado em Direito, exerceu a advocacia (Joinville) e a Promotoria Pública (Tubarão/SC, em 1876). Na carreira militar, chegou a Tenente-Coronel, Comandando o 5º Batalhão de Infantaria de Itajaí/SC e de Nossa Senhora da Graça de São Francisco (15 de maio de 1888). Foi ainda Administrador da Mesa de Rendas Estaduais de São Francisco (com funções fazendárias), exonerado em 24 de janeiro de 1890 e reintegrado em 17 de junho de 1892, permanecendo até 1º de maio de 1894. Foi deputado no período de 1864-1865, 1884-1887, 1901-1906, [1907-].

Antônio de Castro Gandra (1793-1885)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: manchada, amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; OBSERVAÇÕES: Consta no verso: “Castro Gandra/ Antônio de Castro Gandra / carpinteiro; RESUMO: Na Vila de São Sebastião de Tijucas (atual Tijucas/SC) foi: Delegado (1879/1881); Capitão da Guarda Nacional e 2º Suplente de Juiz Municipal (1882), Vereador na Câmara Municipal de Tijucas (1881). Deputado (1892-1893) e Deputado Constituinte de 1892. Na construção civil, foi o responsável pelas obras: trapiche da Capitania dos Portos de Santa Catarina (1892); prédio dos Três Poderes de Palhoça/SC (1895); o Hospital de Isolamento da Ilha dos Guarás (1896) e o Novo Mercado Público de Desterro/SC, inaugurado em 1899.

Antônio Justiniano Esteves Junior (1832-1900)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x9cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: manchada, amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; OBSERVAÇÕES: Consta no verso: “Senador Antônio Justiniano Esteves Junior”; RESUMO: Um dos maiores nomes republicanos e abolicionistas de Santa Catarina. Foi também o representante catarinense nos Congressos Republicanos de 1885 e 1887, no Rio de Janeiro. Senador da República por Santa Catarina (1890-1891). Reeleito Senador, participou das Legislaturas: 22ª Legislatura (1891-1893); 23ª Legislatura (1894-1896); 24ª Legislatura (1897-1899) e 25ª Legislatura (1900-1902).

Moreira, Santos

Antônio Pereira Pinto (1819-1880)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 7x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; OBSERVAÇÕES: Consta no verso: “Dr. A Pereira Pinto”; RESUMO: Bacharel em direito em 1841, jornalista redigiu os jornais “Publicola” e “Voz do Povo” (SP) e promotor público, Deputado Provincial em São Paulo/SP, Deputado Geral pelo Rio Grande do Norte e Presidente das Províncias do Espírito Santo, Rio Grande do Norte e de Santa Catarina (1849), no século XIX.

Antônio Pereira da Silva e Oliveira (1848-1938)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; RESUMO: Contador, fazendeiro comerciante e militar. Foi Deputado na Assembleia Legislativa, na época Provincial e na Republicana, Deputado Constituinte de 1891, 1895 e 1910, Governador, Deputado Federal e Senador, no final do século XIX e início do século XX. Com a Proclamação da República e com a necessidade de elaborar as Constituições nos Estados, de acordo com a nova ordem republicana, foram organizadas as eleições para a Assembleia Constituinte em Santa Catarina, sendo eleito Deputado Constituinte de 1891 para a 1ª Legislatura (1891) do Congresso Representativo (Assembleia Legislativa). Deputado Federal (1912-1915) e da 31ª Legislatura (1918-1920). Como Chefe do Executivo local, foi Intendente ou Superintendente Municipal de Florianópolis/SC, em função denominada hoje “Prefeito” entre os anos de 1891 e 1911. Foi convocado para assumir vaga de Senador da República (1924-1929).

Ruhland , José

Antônio Pinto da Costa Carneiro (1849-1908)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 5,5x9cm, p&b, 2 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação, 1985.; OBSERVAÇÕES: Consta no verso: “Muita consideração e muita synpathia a José Boiteux. Ass: Antônio Pinto da Costa Carneiro”; RESUMO: Jornalista, fundador do jornal “União” (1865) e Jornal “Dez de Março” (1875). Coronel do Exército recebeu a comenda de honra ao mérito de Nossa Senhora da Conceição de Vila Viçosa (1878). Comerciante natural do Porto/Portugal. Deputado Constituinte de 1891 e de 1895, Presidente da Assembleia Legislativa de Santa Catarina, no final do século XIX e início do século XX.

Machado, Porfirio

Arthur Ferreira de Melo (?-1922)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: manchada, amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; OBSERVAÇÕES: Consta no verso: “Arthur Ferreira de Melo” ; RESUMO: Foi professor, por incentivo governamental, em Santo Amaro do Cubatão/SC (1887) e Intendente Municipal de São José (1890). Bacharel em direito e Deputado ao Congresso Representativo de Santa Catarina em 1891-1893.

Machado, Porfirio

Carlos Resin Filho (1831-1890)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 10x16cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, rasgada e amarelada; LEGIBILIDADE: Ruim; RESUMO: Foi general, marechal do campo, lutou na Guerra do Paraguai, foi comendador da Ordem de São Bento de Aviz. Era natural de Santa Catarina. Filho do suíço Brig Carlos Resin. Veterano das guerras de 1851-52 e 1865-70, ligou-se às guarnições de Santa Vitória, Rio Grande, Jaguarão, Porto Alegre, Bagé e São Gabriel.

Pereira Junior

Custódio Teixeira Raposo

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6,5x10,5cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; RESUMO: Professor de história e geografia do Liceu/Atheneu Provincial e fundador do Colégio Santa Maria 1884.

Marchand, Marius

Diogo Duarte Silva (1774-1857)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; RESUMO: Deputado na Assembleia Geral Legislativa do Império, à 1ª Legislatura (1826-1829), à 2ª Legislatura (1830-1833), à 3ª Legislatura (1834-1837). Nas eleições para o Conselho Geral da Província de Santa Catarina, foi eleito e integrou a 3ª Legislatura (1833-1834). No ano de 1834, um Ato Adicional transformou esses Conselhos em Assembleias Legislativas Provinciais. Além das funções parlamentares, exerceu cargos de Tesoureiro na Junta da Fazenda de Santa Catarina, desde sua fundação e, com a extinção das Juntas, tornou-se Inspetor da Tesouraria de Santa Catarina; e Inspetor Geral do Tesouro Público Nacional (1834). Posteriormente, foi nomeado Secretário para o recém-organizado Banco Comercial, atual Banco do Brasil.

Silveira, Cypriano J.

Domingos Lídio do Livramento

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; OBSERVAÇÕES: Consta no verso da fota: “Ao meu particular amigo – Florencio G. Vieira / Ofereço em singela e verdadeira amizade 27/05/1872”; RESUMO: Em 24 de novembro de 1868, obteve a patente de Alferes, atuando na 2ª Cia. do 1º Corpo de Cavalaria da Guarda Nacional do Desterro. Designado Tenente Quartel Mestre da mesma unidade no dia 4 de abril de 1869. Em 29 de março de 1870, passou a Capitão Comandante da 4ª Cia. do 1º Corpo da Cavalaria do Desterro, com apostila de Capitão do Batalhão da Reserva, em 5 de junho de 1872. Exerceu o cargo de Agente Consular da França, na cidade do Desterro. Deputado à Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina (1878-1879), porém, não assumiu, por algum motivo, o diploma não é validado.

Duarte Paranhos Schutel (1837-1901)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; OBSERVAÇÕES: Consta no verso da foto: “A Mariquinhas, Lembrança do dr. Shutel. Desterro 08/02/1885”; RESUMO: Foi jornalista, escritor e poeta, ligado às áreas científicas, políticas, administrativas, médicas e sociais. Foi coproprietário do jornal A Regeneração: Jornal da Província de Santa Catharina, fundado em 1868, com periodicidade diária. Membro do Instituto Farmacêutico do Rio de Janeiro e da Academia Filosófica do Rio de Janeiro, e fundador da Cadeira número 7, da Academia Catarinense de Letras. Foi Inspetor das Escolas do Desterro (1863), Presidente e Inspetor de Saúde do Porto do Desterro (1877) e Inspetor de Higiene Pública (1882). Tenente-Cirurgião do 1º Corpo da Cavalaria da Guarda Nacional do Desterro (1865) e Capitão Cirurgião-Mor do Comando Superior da Guarda Nacional do Desterro (1868). Deputado na Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina (1864-1869), (1880-1881), (1888-1889). Foi Deputado Geral do Império (1885). Deputado Estadual ao Congresso Representativo de Santa Catarina, (1892-1893). Eleito Vereador à Câmara de Desterro (1877).

Parente, N. M.

Eduardo Otto Horn (1870-?)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; RESUMO: Redator do “Jornal do Comércio” de Desterro. Foi deputado (1922-1924) e superintendente municipal (cargo atualmente correspondente ao de prefeito) interino de Florianópolis.

Moreira, Santos

Eliseu Guilherme da Silva (1843-1928)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 10x16cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; OBSERVAÇÕES: Consta no verso: “Um catarinense ilustre defensor da sua terra e de seu governo/ Eliseu Guilherme/ Ass. José Boiteux”.; RESUMO: Farmacêutico, trabalhou em farmácias em Desterro e Laguna. Integrou a Guarda Nacional, como Alferes (1868) e chegou a Tenente-Coronel (1880), com nomeação de Comandante do 1º Batalhão de Artilharia de Desterro. Vereador à Câmara de Desterro (1887-1889). Nomeado Presidente da Intendência (hoje Prefeito) de Desterro (1889-1890). Em sua administração realizou várias obras: construção do cais, grande aterro na praia do Menino Deus, aberturas de estradas, entre outras. Deputado à Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina (1878-1885/1888-1889); Nomeado vice-interventor de Santa Catarina, pelo Presidente do Brasil, Floriano Peixoto, governou a Província duas vezes (1892-1894); no Congresso Representativo, substituindo as Assembleias Provinciais (1892-1893) e (1901-1903) e Deputado Federal eleito por Santa Catarina (1903-1908) e (1921-1926).

Moreira, Santos

Eugênio Frederico de Lossio e Seiblitz (1835-1899)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x9cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; ; RESUMO: Engenheiro militar (Major do Exército). Desempenhou as funções de: Juiz Comissionário de Terras Provinciais (1860, )Chefe do Distrito Telegráfico e Vice-Diretor da Repartição Geral dos Telégrafos. Deputado à Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina (1870-1871).

Gonçalves

Firmino Lopes Rego (1847-1913)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; RESUMO: Comandante da Guarnição Militar de Desterro (1881), elevado a Capitão, depois de obter outras patentes na carreira, chegou ao posto de Marechal no Exército Brasileiro. Foi nomeado Chefe de Polícia de Santa Catarina (1889). Governador Interino em 1891. Deputado Estadual ao Congresso Representativo de Santa Catarina (Assembleia Legislativa), (1898-1900).

Rohrig, Balduino

Francisco Carlos da Luz (1839-1906)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 10,5x10,5cm, p&b, 3 ex.; CONSERVAÇÃO: com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; RESUMO: 2° tenente, bacharel em matemática, Cavaleiro da Ordem da rosa, professor, capitão por merecimento, deputado da Assembleia Geral do Império para SC 1861-1864, cavaleiro da Ordem de Cristo (1864), coronel graduado, conselheiro do Estado (1882), brigadeiro graduado, general de brigada, comandante geral da armada de artilharia, oficial da Ordem de São Bento de Aviz.

Fritz, Sorge

Francisco Cordeiro Torres Alvim (1822-1883)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; RESUMO: Entrou para a Marinha do Brasil (1839). Participou da Guerra contra Rosas, como comandante de navio (1851). Em 1860 substituiu o Barão de Laguna, como comandante da divisão naval do Rio da Prata. Participou da Guerra do Paraguai. Foi promovido a chefe de divisão (1867) e chefe de esquadra (1869). Foi diretor da Escola da Marinha, promovido a vice-almirante (1874) e a almirante (1882). Barão de Iguatemu (1872), era também da Imperial Ordem do Cruzeiro, grã-cruz da Imperial Ordem de Avis, oficial da Imperial Ordem da Rosa e da Torre de Espada de Portugal, grã-cruz da Imperial Ordem de São Estanislau da Rússia.

Francisco Duarte Silva (?-1874)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; RESUMO: Fazendeiro de açúcar e café, vendia local e nacionalmente. Atuou como Tesoureiro Provincial e Administrador dos Correios da Província (1865-1874). Provedor da Irmandade do Senhor Jesus dos Passos do Desterro e Vereador (presidente) na Câmara de Desterro. Tenente coronel honorário do Exercito. Oficial da Ordem da Rosa e comendador da Ordem de Cristo. Deputado para a Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina (1844-1847).

Christiano Jª & Pacheco

Francisco Luís do Livramento (?-1844)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x8cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; RESUMO: Fazendeiro (com terras de sesmaria no Rio Biguaçu, 1800) e importante comerciante em Desterro, no ramo de “secos e molhados”. Reformado como sargento-mor do regime de cavalaria de milícias da Ilha de Santa Catarina (1820). Agraciado com o Hábito da Ordem de Cristo (1822), cavaleiro da Imperial Ordem do Cruzeiro (1823). Presidente da Província em 1831-1835, Deputado a Assembleia Legislativa Provincial em 1835-1843. Presidente da Câmara de Vereadores de Desterro, em 1836.

Frederico Bruestlein (1835-1911)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação, 1985.; RESUMO: Chegou em Joinville em 1896, nomeado procurador do Príncipe de Joinville e do Duque de Aumale, além de administrador dos bens que ambos tinham na região. Em 1870, construiu o Palácio dos Príncipes, a “Maison de Joinville” (Casa de Joinville), que hoje abriga o Museu de Imigração e Colonização. Foi Diretor da Colônia Dona Francisca (1875). Proprietário do Vapor Babitonga, a primeira embarcação movida a motor a chegar em Joinville (1878). Em 1883, construiu um estaleiro em Joinville, onde foi fabricada segunda embarcação, Vapor Dona Francisca, também para transporte de passageiros. Deputado à Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina (1884-1885) e (1888-1889). Presidiu a Câmara de Joinville (1887-1890). Foi Superintendente/Intendente (atual cargo de Prefeito) (1895-1899). Durante seu governo fez muitas obras e melhoramentos.

Volk, H. A.

Fúlvio Coriolano Aducci (1884-1955)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 16x22cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; RESUMO: Advogado, jornalista e professor, natural de Desterro. Deputado Constituinte de 1910, cinco vezes Deputado Estadual na Assembleia Legislativa de Santa Catarina, Deputado Federal, Promotor Público nas Comarcas de Palhoça/SC (1911) e de Florianópolis, e Governador do Estado no século XX. Secretário-Geral do governo (1914-1918). Superintendente Municipal de Florianópolis (atual cargo de Prefeito), (1924-1926). Secretário do Interior e Justiça (1926). Ocupou outras funções no Estado catarinense: Inspetor do Instituto Politécnico; Diretor da Caixa Econômica Federal (1945); Presidente do Instituto dos Advogados e Professor da Faculdade de Direito de Santa Catarina, que hoje integra a Universidade Federal, dirigiu-a e foi um de seus fundadores. Escreveu para revistas e jornais (entre eles, o Diário da Tarde) e deixou considerável produção, que o levou a ser membro da Academia Catarinense de Letras, fundador da Cadeira no 20, e do Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina.

Genovêncio [da Silva] Mattos (1863-1960)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 12x18cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; RESUMO: Foi um grande líder político serrano do Partido Liberal, condecorado com a patente de Coronel da Guarda Nacional, pelo então Presidente da República Prudente de Moraes.

Gustavo Lebon Regis (1874-1930)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 11x15cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; RESUMO: Engenheiro, matemático e militar. Constituinte de 1910, Deputado Estadual na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (1901-1915) e Deputado Federal (1915-1917). Secretário de Estado e representante do governo em campanha na Guerra do Contestado. Superintendente Municipal (cargo atual de Prefeito), (1911-1912). Secretário de Estado da Fazenda, Viação, Obras Públicas e Agricultura de Santa Catarina (1913-1914), Fiscal de obras da construção da Ponte Hercílio Luz. Em 1928, assumiu o comando do Colégio Militar de Porto Alegre.

Gustavo Silveira

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; RESUMO: Participou da Comissão Executiva do Partido Republicano Catarinense.

Nogueira, P. J.

Henrique Marques de Oliveira Lisboa (1799-1869)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 9x12cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; OBSERVAÇÕES: Consta no verso: “Henrique de Oliveira Lisboa foi deputado provincial, tenente coronel em Santa Catarina era irmão de Tamandaré”; RESUMO: Deputado na Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina (1835-1837), Presidente da Província de Santa Catarina (1840). No final da Revolução Farroupilha (1845), por seus feitos militares e serviço ao Império, recebeu a promoção de Marechal de Campo, o primeiro posto de permanência de Oficial General. Presidência da Província de Alagoas (1845). Comandou as Armas da Província do Pará (1850-1851) e de Fortaleza de Santa Cruz (1852), Tenente-General, depois a Major-General. Em 1858, nomeado Presidente do Conselho do Arsenal de Guerra da Corte, por ordem do Imperador.

Henrique Ambauer Schutel (1805-1885)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação, 1985.; RESUMO: Médico cirurgião, violinista, Cônsul da Bélgica, Vice-Cônsul da Itália, da República do Chile e da Sardenha no Desterro, e integrou a Empresa Colonizadora Demaria e Schutel, responsável pela implantação da Colônia Nova Itália, localizada em Santa Catarina, em território que é hoje Nova Trento, a primeira colônia de italianos no Brasil, que aportaram em Desterro, no ano de 1836. Fundador da Sociedade de Bailes União Catarinense (1851).

Terragno, L.

Jesuíno Lamego Costa (1811-1886)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 5x8cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, manchada, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação, 1985.; RESUMO: Comandante da corveta “Dona Amélia” (1830), galgou altos cargos na marinha. Reformado como almirante (1876). Cavaleiro da Ordem do Cruzeiro (1841), Cavaleiro da Ordem de São Bento de Aviz (1846), Oficial da Ordem do Cruzeiro (1852) além de muitos outas ordens. Deputado geral e senador do Império do Brasil (1872-1886).

João Cabral de Melo (1850-1910)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, manchada, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação, 1985.; OBSERVAÇÕES: Consta no verso: “Ao meu simpathico amigo Dr. José Boiatex/ Ass. João Cabral”; RESUMO: Deputado em 1811-1893, 1898-1909. Subdelegado de Polícia de Laguna (1869). Vereador e Presidente da Câmara Municipal, e Superintendente/Intendente (atual denominação “Prefeito”.) (1890). Comandou a Superior Guarda Nacional e foi condecorado como Tenente-Coronel Honorário do Exército.

Machado, Porfirio

João Francisco de Sousa Coutinho (1804-1869)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, manchada, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação, 1985.; RESUMO: Praticante da Contadoria da Junta da Fazenda Pública (1819-1823). Na Tesouraria Provincial, foi Oficial Maior (1837) e Contador (1840-1844). Deputado à Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina em 1838-1845, 1848-1849, 1852-1857. Secretário do Governo da Província de Santa Catarina (1844). Sendo por duas vezes Vice-Presidente da Província de Santa Catarina. Hábito da Ordem de Cristo (1842), Oficial da Ordem de Cristo (1842), Oficial da ordem de Cristo (1842), Oficial da Ordem da Rosa (1845). Pertenceu ao Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro. Era provedor da Irmandade do Senhor dos Passos e Hospital de Caridade

Sylvio Sniecikovski (1931-2021)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 18x12cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, manchada, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação, 1994-09.; RESUMO: Criador da Escola Técnica Tupy(1956) e ex-secretário de educação de Joinville (1997-2008). Educador foi responsável pelo primeiro centro de formação em tecnologia de Joinville.

João das Oliveiras Margaridas

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, manchada, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação, 1985.; RESUMO: Editor do jornal “O Conservador”

Moreira, Santos

João Pedro Xavier de Câmara (1843-1922)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 7x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, manchada, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação, 1985.; RESUMO: Cavaleiro da Ordem de Cristo. Oficial da Ordem da Rosa (1870), recebeu a medalha da Campanha do Uruguai (1872), foi deputado em 1874-1875, 1876-1877, 1878-1879, Cavaleiro da ordem de São Bento de Aviz (1874). Oficial da ordem de São Bento de Aviz (1889) e chefe do Estado maior do Exército (1905-1916).

João Pereira Vidal (?-1904)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, manchada, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação, 1985.; OBSERVAÇÕES: Consta no verso: “Ao prestimado amigo senhor João C. D. Formiga, signal de sympathia de J. P. Vidal/ Desterro/ 11/11/1875”; RESUMO: Inspetor, Escriturário (1872), Tesoureiro (1893), na Delegacia do Tesouro Nacional. Em Desterro, foi: 1º Secretário do Clube Abolicionista (1883); Presidente da Sociedade Carnavalesca “Diabo a Quatro” (1884); Membro do Diretório do Partido Conservador da Província e da Irmandade do Santíssimo Sacramento. Deputado à Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina (1886-1887). Foi nomeado 2º Suplente de Delegado de Polícia do Desterro (1889) e dedicou-se ao seu próprio negócio, na empresa Ondina, de conserva de produtos alimentícios marítimos.

João Pinto da Luz (1818-1866)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, manchada, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação, 1985.; OBSERVAÇÕES: Consta no verso: “Para o meu aphilhado João Pinto Esteves/ João Pinto da Luz”; RESUMO: Comerciante, apoiou a construção do Mercado Público de Desterro. Deputado à Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina em 1850-1851, 1852-1853, 1864-1865. Cavaleiro da Ordem de Cristo (1845). Oficial da ordem da Rosa (1854).

João do Prado Faria (1839-1890)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, manchada, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação, 1985.; OBSERVAÇÕES: Consta no verso: “Ao excelentíssimo senhor Henrique Carlos Boiteux, oferece o original com prova de sincera amizade e gratidão./ 27 de setembro de 1866/ Seo J.P.F.”; RESUMO: Deputado à Assembleia Legislativa Provincial de Santa Catarina (1870-1871), (1886-1887). Nomeado Oficial Maior da Secretaria da Presidência da Província (1870) e Capitão da 4ª Cia. do 2º Batalhão da Reserva da Guarda Nacional de São José (1881). Adjunto de Promotor Público do Desterro (1874). Juiz Municipal e Promotor Público de São Francisco do Sul.

João Silveira de Sousa (1824-1906)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, manchada, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação, 1985.; RESUMO: Formado em direito em 1849. Procurador Geral da Fazenda em SC (1850). Redator do jornal “Diário de Pernambuco”. Deputado em 1864-1866, 1867-1868, 1878-1881 e 1889. Presidente da província do Ceará 1857-1859, da Bahia em 1867, do Pará de 1884-1885. Comendador da ordem de Cristo. Patrono da Academia Catarinense de Letras. Ministro de Estado das Relações Exteriores (1868) e dirigiu o Banco Franco-Brasileiro (1889-1896).

Barros, Justiniano José de

João de Souza Fagundes

DESCRIÇÃO FÍSICA: 12x17cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, manchada, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação, 1985.; RESUMO: Comandante do 25º Batalhão de Voluntários da Pátria durante a Guerra do Paraguai, perdendo um braço em combate.

João de Sousa Melo e Alvim (1823-1885)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, manchada, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação, 1985.; RESUMO: Bacharel em matemática. Foi deputado em 1848-1849, 1864-1866, 1867-1868, 1878-1887. Cavaleiro da Ordem da Rosa (1855), oficial da Ordem da Rosa (1859), fidalgo cavaleiro da Casa Imperial, cavaleiro da Ordem de Aviz, comendador da Ordem da Rosa e comendador da Ordem de Cristo.

Carneiro e Gaspar

Joaquim Augusto do Livramento (1820-1883)

DESCRIÇÃO FÍSICA: 6x10cm, p&b, 1 ex.; CONSERVAÇÃO: Escrita, manchada, com fungos e amarelada; LEGIBILIDADE: Regular; MODO DE AQUISIÇÃO: doação, 1985.; RESUMO: Bacharel em direito. Deputado em 1846-1847, 1852-1853, 1854-1855, 1856-1857, 1864-1865. Foi proprietário e redator do jornal “O Mercantil” (1862-1864). Promotor público na Comarca de Desterro (1870) e vice-presidente da província de SC em 1878 e 1882. Secretário de Polícia da Província de Santa Catarina (1857); Procurador Fiscal do Tesouro (1857-1860); Juiz Municipal de São José (1863-1868).

M., Christiano

Resultados 1 até 50 de 30418